Dúvida: qual tripé devo comprar?


O tripé é uma das ferramenta mais importantes na fotografia. Ele dá ao fotógrafo a liberdade de poder escolher sua profundidade de campo, utilizar qualquer tipo de velocidade e de estudar a composição com calma. 
Mas sabendo disso…

COMO DECIDIR QUAL A MELHOR OPÇÃO?

1°) O mais importante para definir qual será o tripé a ser comprado é decidir para que tipo de fotografia você irá utilizar o tripé:

  • Fotografia noturna
  • Fotografia de paisagens e viagens
  • Fotografia de pequenos animais
  • Para trabalhos em estúdio

2°) Como você irá transportar o tripé:

  • De carro
  • Na mão

3°) Se irá carregar o tripé nas mãos, quanto peso está disposto a carregar?

4°) Qual valor você está disposto a investir?


PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DE UM TRIPÉ

Altura

  • Tripés com menos de 50 cm: fotografia de pequenos objetos ou em cima de algum suporte.
  • Tripés com cerca de 100 cm: viagens quando o peso é adequado.
  • Tripés com mais de 130 cm: tamanho ideal para um adulto fotografar.

Dica: Quanto mais longa as pernas do tripé, menor estabilidade você terá. Abra o tripé o suficiente para deixar sua câmera na posição correta.

Peso

Para quem trabalha em estúdio, o peso normalmente não tem relevância. Para quem anda com o tripé na rua, o peso é preponderante na decisão de levar o tripé ou deixá-lo em casa.

O peso lhe ajudará a determinar a estabilidade de sua câmera.

Dica: Alguns tripés permitem que se inverta a coluna central e chegue-se a poucos centímetros do chão com a câmera. Este é um grande recurso para fotos macro.

Cabeça

Algumas vezes é mais importante do que o peso. Nos tripés de qualidade, a cabeça é um elemento destacado do corpo, sendo possível adaptar diversas cabeças ao mesmo corpo.

Dica : os 2 principais tipos de cabeças são as de bola e as de 3 eixos. Teste antes para ver qual lhe agrada mais!

Obs: alguns tripés incluem níveis de bolha de ar para alinhar a cabeça com os eixos.

Material

Na maioria dos casos é um metal: ferro (aço) ou alumínio. O primeiro é mais pesado, oferece mais resistência, mas é susceptível a corrosão. O segundo é mais leve, menos resistente e é pouco susceptível a corrosão. Há ainda tripés de ligas de carbono que oferecem mais resistência do que o aço e menos peso do que o alumínio. São, todavia, ainda muito caros para a maioria dos fotógrafos amadores.

TIPOS DE TRIPÉS

  • Espigão metálico:  são os mais adequados para usar em terra, areia e rocha.
  • Apoio plano de borracha ou plástico: os melhores para usar em interiores pois garantem horizontalidade e não riscam o chão.
  • Apoio redondo de plástico ou borracha: são pouco susceptíveis de deslizamento e se adaptam a várias superfícies.

Dica: Precisamos entender que um tripé que não é estável não serve para nada!

AS MARCAS MAIS CONHECIDAS PARA FACILITAR SUA PROCURA

Cullman ( tripés alemães )

Gitzo ( fibra de carbono e fibra de basalto )

Hama ( linha de mini-tripés e grampos; é interessante! )

Kalimar  ( marca de acessórios para vídeo com tripés adequados para amadores e com máquinas de cerca de 2kg de peso )

Manfroto ( fabricantes europeus )

Tenha atenção pois nas marcas melhores o preço do tripé pode não incluir a cabeça, que é uma peça adquirida à parte.

Dica: Saiba qual é o peso máximo suportado pelo tripé e faça a conta de quanto pesa o seu equipamento ( câmera + grip + flash + lente ).

E para finalizar, o fato é que um tripé, ou porque não um monopé, são indispensáveis para um fotógrafo! 
E então, conseguimos te ajudar um pouco mais? Faça sua escolha!

Até a próxima!

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s